Soneto ao Entardecer

Texto e Locução : Delurdes Moraes
 

O dia cumpriu seu destino .
Foi-se embora sem reclamar .
Luz da noite feito vinho
Tinge o céu espetacular .

No dia, o trabalho , a luta
À noite , pensar , boemia .
Não queira a força bruta
Adormecer minha alegria.

O tempo sem tempo
À noite acalma
Comigo ao vento .

Consciência plena.
Paz em minha alma
A dianoitecer serena.

Delurdes Moraes

 

 

Trilha Sonora Fernanda Bock

Direitos autorais registrados®

Voltar à página inicial

Voltar ao Meus Poemas/Áudio